Réveillon na Paulista será cancelado devido à pandemia de covid-19

A tradicional festa de réveillon, que reúne todos os anos cerca de 1 milhão de pessoas na avenida Paulista, foi cancelada nesta virada de ano, de 2020 para 2021.

O anúncio foi feito nesta sexta-feira (17) pelo prefeito Bruno Covas durante coletiva de imprensa realizada no Palácio dos Bandeirantes, na Zona Sul. A medida tem o objetivo de evitar a aglomeração de pessoas e a propagação da covid-19 (doença provocada pelo coronavírus).

O município ainda estuda novas formas para a realização de outros grandes eventos que acontecem na capital.

“A área da saúde foi preponderante para que a gente tomasse esta decisão. Não há nenhuma possibilidade de se pensar, neste momento, em uma festa que reúna um milhão de pessoas”

disse o prefeito Bruno Covas.

“Não tem como a gente solicitar que as pessoas evitem aglomeração e a Prefeitura colocar recursos em um evento que junta um milhão de pessoas”, destacou. A realização da virada de ano na Avenida Paulista requer uma organização de, pelo menos, três meses, além de envolver patrocínios, agendas de artistas e pacotes promocionais de hotéis e turismo.

Por isso que, neste momento, onde aconteceria a organização de todo o evento, não há como prever com exatidão o comportamento do vírus na cidade.

“Tanto a Prefeitura como o Governo do Estado de São Paulo, e os técnicos da Vigilância Sanitária, entendem muito temerário nos organizarmos um evento para um milhão de pessoas na avenida Paulista para dezembro deste ano.

Como é um evento que requer uma organização de pelo menos três meses, nós queremos aqui, com a maior previsibilidade possível, já deixar anunciado que a Prefeitura também não vai organizar o Réveillon da Paulista”.

disse o prefeito Bruno Covas

Virada on-line

A Prefeitura de São Paulo ainda estuda novas formas para a realização de eventos tradicionais para a cidade, como a Virada Cultural que, neste ano, acontecerá de forma online.

Na coletiva, o prefeito também destacou que serão assinados quatro novos protocolos de retomada nesta sexta-feira. Dentre eles, estão os vendedores ambulantes, os cursos livres e as aulas práticas para estudantes com formatura prevista para este ano, além dos treinamentos.

Fonte: ASCOM Prefeitura de São Paulo
Imagem: https://www.jornalspnorte.com.br/sao-paulo-nao-tera-reveillon-na-paulista-diz-covas/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp
Gabinete Online